Como escalar e manter uma solução de comunicação que não decepcione o consumidor?

Neste artigo, iremos abordar de qual forma alinhar todos os itens que irão proporcionar a escalabilidade de um negócio e mesmo assim continuar dando o melhor atendimento ao cliente. Uma solução de comunicação especializada deve ser planejada para contribuir para manter, ou tornar maior, a satisfação do público-alvo.

Na medida em que o negócio vai crescendo, a solução de comunicação deve suportar o aumento da demanda. Por isso, o primeiro passo é procurar por uma empresa capaz de oferecer uma ferramenta escalável e com longevidade. No quesito escalabilidade, irá permitir que ampliações e atualizações sejam feitas de forma automática e gradativa, sem perder o investimento inicial. Pode começar com um pequeno investimento e, em cima dele, ampliar aplicações e quantidade de atendimento.

Uma solução de comunicação voltada para tecnologia IP nasce com a escalabilidade fortemente latente. A base do IP é fornecer qualidade e, proporcionalmente, capacidade de expansão sem complicações, trocas de equipamentos ou serviços. Os formatos mais tradicionais acabam vinculados a hardwares e se tornam mais complexos de serem otimizados para atender mais, novas opções de canais, e melhor ao cliente.

A comunicação IP permite escalar com facilidade. As tradicionais, baseadas em hardware, podem até ser mais financeiramente atrativas, mas não permitem um cenário ágil na hora em que mudanças precisam acontecer. A falta de agilidade, por sua vez, pode até não impedir o crescimento do negócio. Mas, pode acontecer o pior, decepcionar os clientes que buscam por informações ou resolução de problemas. O bom atendimento uma vez comprometido, dificilmente conseguirá reverter o ganho de uma reputação negativa.

Solução de comunicação: flexibilidade para escalar

Quando uma empresa proporciona uma solução de comunicação com longevidade, significa que trará flexibilidade. Por isso, a partir da evolução da tecnologia e a criação de necessidades, conseguirá ainda assim atender automatizações e integrações. Será possível atender ao cliente sempre com o máximo de inovação e satisfação.

O exemplo de uma solução de comunicação flexível por natureza são as que estão em nuvem. Se for possível, adotar o cloud computing facilitará no processo de expansão sem interferir na interação com o público, seja no atendimento ou na utilização de softwares e serviços adquiridos por meio do negócio. No entanto, é uma escolha atrelada com a operação de cada um. Quando o core business está baseado na telefonia é comum que exista a opção por hardware e equipamentos robustos, que propiciam um controle físico para quem os adquire.

É vital que as soluções de comunicação permitam flexibilidade para aumentar ou reduzir de acordo com as solicitações do público. Outro ponto é que a questão contratual deve permitir a mesma tolerância, fazendo com que o modelo de negócio possa ser modificado e que não exista ociosidade no uso de equipamentos e serviços contratados, por exemplo.

O cliente é o foco do crescimento

Por fim, um dos conselhos para quem busca um ótimo relacionamento é prezar pelo sucesso do cliente. Assim, quando se monta uma operação de negócio, isso será realizado com foco no público-alvo, em disponibilizar o que ele quer e precisa. Dessa maneira, o crescimento acontece e a satisfação com os produtos e serviços não diminui.

Em qualquer contexto, com crescimento ou no início do negócio, o respeito pelo desejo do cliente deve estar presente. Satisfazer é não dar retrabalho no que deveria facilitar a vida do usuário, usar a tecnologia e todos seus recursos para alcançar os objetivos do público-alvo e entender o comportamento de quem está consumindo. Atualmente, a rapidez é um valor: acessar rápido, atender rápido e solucionar rápido.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *