Publicado: 01/09/2021Tempo de leitura: 9 min.

Confira 5 benefícios da computação em nuvem.

Publicado por

Marketing Dígitro

Marketing Dígitro

Conteúdos Especiais

O cloud computing, ou computação em nuvem, está ganhando cada vez mais adeptos no mundo dos negócios. É o que diz o relatório “Mercado Brasileiro de Software: panorama e tendências 2021”, da Associação Brasileira das Empresas de Software (ABES). Segundo ele, “a otimização do uso da nuvem determinará o ritmo e a direção de novas tecnologias para infraestrutura, aplicações e segurança”. 

O documento, inclusive, diz que a nuvem é um caminho mais rápido para a ampliação da resiliência operacional da TI frente às necessidades impostas pela pandemia de Covid-19. Ainda, aponta que 90% das empresas de grande porte contam com data centers tradicionais. Entretanto, 49% dessas empresas já utilizam, em conjunto, algum modelo de armazenamento em nuvem

Já o estudo “Global Cloud Computing Scorecard”, aponta que o Brasil é o maior investidor da América Latina em serviços em nuvem. Diz também que, até 2022, a expectativa de crescimento é de 35,5% ao ano e os investimentos podem chegar a US$ 2,3 bilhões.

Como essa tecnologia é cada vez mais indispensável e vem se tornando um diferencial competitivo para as empresas, é importante conhecê-la. Por isso, neste artigo falaremos um pouco mais sobre o cloud computing e seus benefícios. Leia e saiba mais!

Cloud computing: veja o que é a computação em nuvem

Cloud computing ― ou computação em nuvem ― é um dos recursos que o avanço da tecnologia nos proporcionou. Ele permite que os usuários armazenem e acessem sistemas e ferramentas, pela internet, sem a obrigação de salvar dados em um computador. Normalmente, utiliza um servidor remoto.

Ele também possui atualizações de software automáticas, o que possibilita o compartilhamento de arquivos, diminuindo a necessidade de manutenção na rede local ou no dispositivo.

Para garantir a segurança de quem utiliza esse recurso, as melhores soluções de cloud exigem a Certificação Digital. Somente por meio dela, os usuários têm permissão para acessar informações que estão na nuvem.

Ainda, seu uso pode ser feito de forma remota, a partir de qualquer computador ou aparelho móvel ― tablet, smartphone e notebook. Também viabiliza o acesso ao sistema de qualquer lugar e hora.

Confira quais os tipos de cloud computing

Atualmente, há três modelos principais de cloud computing. Cada um deles representa uma parte diferente da computação em nuvem. Confira mais na sequência!

SaaS (Software como Serviço)

Esse é o tipo de serviço em nuvem que é utilizado para aplicativos baseados na web e possibilita o acesso a um produto de uma aplicação completa. Ou seja, executam, gerenciam e hospedam os aplicativos de software. Sendo que esse é realizado e administrado pelo provedor. Por ser mais simples e ter o mesmo app em todos os dispositivos, normalmente, as soluções desse modelo são programas para o usuário final.

PaaS (Plataforma como Serviço)

Nesse modelo de cloud computing, o usuário acessa ferramentas combinadas de hardware e software por meio de um provedor de serviços. É mais utilizado para o desenvolvimento de aplicações, porque proporciona as soluções fundamentais para a criação de programas na web. Isso, de forma rápida e sem que os usuários se preocupem com a configuração ou gerenciamento da infraestrutura combinada necessária. 

IaaS (Infraestrutura como Serviço)

É usada para conceder acesso a recursos de computação e armazenamento com base na internet. É a forma mais básica de cloud computing e possibilita que o usuário alugue uma infraestrutura de TI de um provedor em nuvem, conforme a necessidade.

Conheça 5 benefícios do uso do cloud computing

O cloud computing é uma solução que já vem fazendo a diferença no dia a dia de muitas empresas, pois ele apresenta muitos benefícios. Na sequência, separamos 5 vantagens de contratar esse serviço. Confira!

1. Mais segurança

Como os arquivos ficam em servidores on-line, há menos chances de que se percam, ao contrário dos hardwares. E o cloud computing oferece mais segurança, porque utiliza firewalls, grupos e zonas de proteção organizadas em camadas. Também há profissionais especializados que são designados para combater tentativas de ciberataques. Além disso, como já mencionamos, a maioria dos serviços em nuvem utilizam a Certificação Digital, o que permite que somente as pessoas autorizadas tenham acesso aos arquivos.

2. Mais espaço de armazenamento

Os computadores e demais equipamentos que servem como servidores físicos, possuem um limite para guardar os dados. Já com o cloud computing é possível ter maior espaço para guardar arquivos. Há soluções que contam com planos de assinatura de acordo com a disponibilidade para manter as informações da empresa.

3. Melhor organização de arquivos

No cloud computing é mais fácil organizar documentos, além de ser uma forma mais econômica de armazenar as informações. O ideal é que exista um padrão para que os usuários continuem salvando os arquivos de forma ordenada. Afinal, com o serviço em nuvem, todos os envolvidos têm acesso aos dados guardados.

4. Redução de custos

Como não há a necessidade de adquirir data centers, servidores físicos e nem pagar licenciamento de softwares de gestão, o cloud computing proporciona uma redução de custos. Além disso, dispensa a contratação de diversos profissionais para cuidar de um setor de TI. Assim, a mão de obra pode ser direcionada para outras tarefas da empresa.

5. Facilidade de acesso e praticidade

Grande parte dos sistemas de armazenamento em nuvem são disponibilizados em aplicativos móveis. Assim, há uma otimização na produtividade da instituição. E como essa facilidade permite o acesso de qualquer dispositivo, a qualquer hora e lugar, faz com que sua equipe tenha os dados necessários à sua disposição sempre que precisar. Basta ter acesso à internet!

Bônus: três tecnologias em nuvem para impulsionar os negócios

Há diversas soluções no mercado que disponibilizam o armazenamento em nuvem e, assim, oferecem todas as vantagens que o serviço proporciona. Mas é muito importante analisar o perfil da sua empresa e objetivos para saber qual plataforma escolher. Aqui, separamos três tecnologias da Dígitro que farão a diferença no seu cotidiano e impulsionarão os seus negócios.

  1. Interact: uma solução completa e multicanal para call center. Permite a gestão em tempo real, onde quer que você esteja, pois sua operação é 100% em nuvem. Assim, proporciona o uso remoto, agilidade e facilidade no atendimento aos seus clientes. Também, o sistema concede a supervisão da equipe “ao vivo”, dessa forma, você pode monitorar o desempenho e realizar ajustes. 
  2. UNA: é uma ferramenta de comunicação corporativa que ajuda a solucionar os desafios de produtividade e segurança que podem surgir no home office. Oferece acesso criptografado e pode ser 100% em nuvem, tornando a comunicação prática e segura.
  3. Analytics: é um serviço cloud computing que torna a ciência de dados prática. Possui painéis analíticos em forma de relatórios ou dashboards, que otimizam as operações e integram fonte de informações, conforme a necessidade. Além disso, promove a tomada de decisão mais assertiva e guiada por dados.

Neste artigo, você pôde compreender melhor sobre o que é e os benefícios da computação em nuvem para sua empresa. Como mencionamos, o cloud computing é um dos recursos que nasceram com o avanço da tecnologia. Então, aproveite para ler, também, “5 conteúdos essenciais para entender a transformação digital”. E continue acompanhando nosso blog regularmente para ter acesso a mais conteúdos sobre esse tema.


 
Fale com a gente (chat)
Preencha as informações abaixo para iniciar o atendimento
Chat by Interact, da Dígitro